fbpx

Digite o que procura

Micose: calor e umidade favorecem seu surgimento

29/01/2019
Compartilhar

É comum pequenas manchas surgirem na pele logo depois da temporada de férias curtida na piscina ou na praia. Para quem não faz ideia do que pode ser, a resposta é uma só: micose. Com seus nomes populares: frieira, pé-de-atleta, micose-de-praia, “tinha” (ou tinea), unheiro, pelada, sapinho ou boqueira, as micoses são infecções provocadas pelo crescimento excessivo de fungos e que afetam a pele, o couro cabeludo, as unhas e áreas mais úmidas do corpo.

Os tipos mais comuns de fungos causadores de micose estão presentes na nossa pele ou então em animais como gatos e cachorros. A existência natural dos fungos na pele não significa que todas as pessoas terão micose. Para que a doença se desenvolver, são necessários alguns fatores: como calor, umidade, baixa de imunidade ou uso de antibióticos sistêmicos por longo prazo. Com isso, o fungo penetra na pele e, encontrando condições ideais, se desenvolve. Os fungos se alimentam da queratina presente em nossa pele, unhas e cabelos, por isso esses são os locais mais favoráveis para as infecções.

Sintomas

Coceira, inflamação ou escamação da pele e deformação nas unhas são sintomas comuns. Se não for tratada adequadamente, pode ficar bastante incômoda e dolorosa. As micoses, normalmente, não são um problema grave ou que trazem complicações. Mas é preciso ficar atento, como a pele tem um sistema de vigilância natural, e o fungo só se desenvolve quando encontra uma oportunidade, seu aparecimento pode revelar uma deficiência imunológica.

Tipos de Micose

Pitiríase versicolor

Apresenta-se clinicamente como manchas brancas, descamativas, que podem estar agrupadas ou isoladas. Normalmente surgem na parte superior dos braços, tronco, pescoço e rosto. Ocasionalmente, podem se apresentar como manchas escuras ou avermelhadas, daí o nome versicolor.

Tineas (tinhas)

Manifestam-se como manchas vermelhas de superfície escamosa, crescem de dentro para

Tineas do pé

Caracterizada por descamação e coceira entre os dedos e/ou na planta do pé.

Tineas do couro cabeludo

Ocorre em determinadas áreas do couro cabeludo, tornando o cabelo fraco e quebradiço.

Onicomicoses

São as micoses das unhas, tanto dos pés quanto das mãos. A unha se torna mais grossa e descolada, podendo haver mudanças em sua cor e forma. Geralmente começa como uma mancha de cor clara pequena. Conforme se espalha, a cor se altera e a unha torna-se mais espessa e mais frágil. Muitas vezes, é doloroso e recorrente.

Candidíase

Também é um tipo de micose e pode se manifestar de diversas formas: como placas esbranquiçadas na mucosa oral, comum em recém-nascidos (“sapinho”); lesões fissuradas no canto da boca (queilite angular) mais comum no idoso; placas vermelhas e fissuras localizadas nas dobras naturais (inframamária, axilar e inguinal), ou envolver a região genital feminina (vaginite) ou masculina (balanite), provocando coceira, manchas vermelhas e secreção vaginal esbranquiçada.

O tratamento das micoses é variável. Normalmente são tratadas com remédios antifúngicos. O tipo depende de onde a infecção está localizada e o quão grave ela é.

Previna-se!

toalha

Seque-se sempre muito bem após o banho, principalmente as dobras de pele como as axilas, as virilhas e os dedos dos pés

roupa molhada

Evite ficar com roupas molhadas por muito tempo

sabão

Evite o contato prolongado com água e sabão

boné

Não use objetos pessoais (roupas, calçados, pentes, toalhas, bonés) de outras pessoas

pé

Não ande descalço em pisos constantemente úmidos (lava pés, vestiários, saunas)

gato

Observe a pele e o pelo de seus animais de estimação (cães e gatos). Qualquer alteração como descamação ou falhas no pelo procure o veterinário

muda

Evite mexer com terra sem usar luvas

manicure

Use somente o seu material de manicure

bota

Evite usar calçados fechados o máximo possível. Opte pelos mais largos e ventilados

sutiã

Evite roupas quentes e justas. Evite os tecidos sintéticos, principalmente nas roupas íntimas

algodão

Prefira sempre tecidos leves como o algodão

Tags:

Você pode gostar também